Autor: casamartelo

03 Jul 2019

Porquê deixar de usar sacos plásticos?

Seis razões básicas. Descubra neste artigo quais são!

1. Os sacos plásticos são feitos de matérias fósseis. Podem ser feitos de derivados do petróleo, ou gás líquido, como é o caso do polietileno e propileno.
2. Os sacos plásticos matam a vida selvagem. A poluição por sacos plásticos ameaça de morte 663 espécies de animais marinhos e terrestres. Todos os anos milhares de animais ficam presos em sacos de plástico e morrem, ou ingerem-nos e morrem de fome.
3. Os sacos plásticos envenenam a cadeia alimentar. O plástico desfaz-se em pedaços minúsculos nos oceanos e é comido por pequenos animais e peixes que são comidos por outros maiores até que as toxinas chegam ao prato dos seres humanos.
4. Os sacos plásticos são usados apenas uns minutos, mas duram várias vidas humanas. Um saco de compras pode ser usado apenas por uns minutos, da loja até casa, no entanto fica no nosso ambiente até 1000 anos e nunca será completamente biodegradado.
5. Até 2050 prevê-se que haja mais plástico do que seres vivos nos oceanos. Se não tomarmos medidas para prevenir o uso de plástico na nossa sociedade os nossos oceanos ficarão mortos.
6. Os sacos plásticos deixam as nossas paisagens irreconhecíveis. Experimente olhar em sua volta, quantas vezes viu sacos de plástico nas bermas das estradas, nas praias, nas ruas, tornando tão feio o que nos rodeia?

Sabia que…

Desde 1950 nós, humanos, produzimos 8.300 milhões de toneladas de plástico no mundo. 79% deste plástico está em aterros sanitários ou disperso no ambiente (fonte: Marine Conservation Society, Reino Unido). O que está feito não podemos alterar, mas PODEMOS dar passos, grandes e pequenos, para que o nosso futuro seja menos dominado pelo plástico. Reduzir drasticamente o uso de plásticos descartáveis é uma das ações que estão ao alcance de todos, vamos a isso?

19 Jun 2019

Ajudar o meio ambiente começa consigo! Saiba como!

Vivenciamos numa época em que é fulcral começarmos a preocupar-nos com aquilo que estamos a fazer ao nosso planeta. Acumulamos toneladas de lixo em aterros a céu aberto, inundamos os oceanos com os nossos plásticos, somos os responsáveis pela destruição de habitats e consequentemente, a extinção de outras espécies animais.

A Casa Martelo está atenta e quer mudar essa atitude poluidora e inspirar outros a seguirem o exemplo.

Garrafas e copos de plástico descartáveis

O plástico é dos maiores responsáveis pela poluição do planeta e sobretudo dos oceanos. Abrir guerra aos plásticos descartáveis é uma forma de reduzir drasticamente os resíduos plásticos. Na Casa Martelo desde 2018 que temos dispensadores de água que filtram a água da torneira e utilizamos garrafas reutilizáveis. Se tiver uma garrafa consigo pode encher no nosso dispensador.

Em casa pode usar um jarro com filtro para evitar a compra de garrafões de água. A água fica com óptimo sabor e livre de impurezas. É bom para o ambiente, é mais económico e as suas costas também agradecem.

Sacos de compras

Quando vai às compras já leva o seu saco? É tudo uma questão de hábito. Os sacos reutilizáveis de poliester são uma ótima alternativa. São extremamente fortes, pode-os colocar na máquina de lavar até uma temperatura de 30 graus e são à prova de água. Porém, o mais importante é que ao adquirir um saco de poliéster poderá substituir centenas de sacos plásticos.

Aqui na Casa Martelo há vários anos que usamos pequenos sacos de papel reciclado feitos por nós para acondicionar todos os produtos mais pequenos. Para além de amigos do ambiente também são tradicionais e nós temos como missão preservar esses pequenos pormenores que fazem toda a diferença.

Redutores de Caudal

Os redutores de caudal são pequenas peças metálicas que são aplicadas na ponta das torneiras reduzindo a quantidade de água que passa e substituindo a mesma por ar. Ou seja, reduz a quantidade de água que passa na torneira, mas mantêm a pressão sem reduzir a eficácia da torneira. É uma solução amiga do ambiente e também da sua carteira ao final do mês.

21 Dez 2018

“Plantar o futuro” – um projeto que nos orgulhamos de ajudar

O “Plantar o Futuro”, organizado pela Agora Aveiro em colaboração com a Universidade de Aveiro e o Município de Estarreja é uma abordagem integrada e interdisciplinar que visa promover a sustentabilidade dos ecossistemas florestais, preservando a biodiversidade do nosso país e o seu futuro.

Este projeto é a expansão do “Biologia a Plantar o Futuro”, uma iniciativa que surgiu por vontade dos alunos de Biologia da Universidade de Aveiro, em 2014. Até hoje já foram plantadas milhares de árvores na Mata do Buçaco, Albergaria-a-Velha e Lousada, contribuindo, igualmente, para a sensibilização de centenas de alunos.

“Plantar o futuro” desafia os novos alunos universitários a deitar as mãos à terra e reflorestar Aveiro. O funcionamento do projeto é simples: com a chegada dos novos alunos à universidade, entrega-se, a cada um deles, uma árvore autóctone (carvalho, azinheira, medronheiro etc.). Cada novo aluno recebe uma árvore que apadrinha e cuida até à sua plantação, num espaço que necessite de ser recuperado.

Em 2018, vendo a devastação que os incêndios do último ano causaram, a Agora Aveiro quis levar o projeto mais longe e fazê-lo chegar a todos os novos alunos da Universidade de Aveiro. O projeto une agora os esforços de vários setores da sociedade, entre associações, entidades públicas e empresas, para sensibilizar para a importância da floresta nativa, incutindo nos participantes o sentido de responsabilidade social e ambiental e estimulando o voluntariado como forma de exercício da cidadania ativa e participativa.

Tendo desta forma lançado várias atividades que decorreram este ano, nas quais a Casa Martelo teve o privilégio de participar e auxiliar.

A primeira iniciativa de nome “Green Friday” que foi organizado pela Agora Aveiro em conjunto com o Agrupamento de Escolas de Novo Príncipe – Cacia, Associação Comercial do Distrito de Aveiro e Município de Aveiro. Ocorreu no último fim de semana do mês passado, nos dias 30 de Novembro e 1 e 2 de Dezembro, em que participaram 24 lojas de comércio local, das quais fez parte a Casa Martelo. Nestes dias, cada compra de valor igual ou superior a 10€ representou uma árvore autóctone plantada em Aveiro. Estas árvores foram semeadas pelos alunos do Agrupamento de Escolas de Novo Principe de Cacia e plantadas na Reserva Natural das Dunas de S. Jacinto.

A segunda atividade derivada do projeto “Plantar o Futuro” decorreu no dia 12 de Dezembro, quarta-feira, onde foram entregues mais de 2000 árvores “bébés” aos alunos da Universidade de Aveiro (UA) que aceitaram este desafio. A Casa Martelo colabora com o projeto ao fornecer material para estas actividades.

Para além do ‘babysitting’, o projeto “Plantar o Futuro” pretende que os estudantes se envolvam igualmente na plantação das árvores. A Casa Martelo vai continuar a auxiliar o projeto “Plantar o Futuro” durante as várias ações de plantação que já estão previstas acontecer para os meses de fevereiro e março em terrenos disponibilizados pelo Município de Estarreja e pelo Projeto Cabeço Santo da Quercus, em Águeda, onde os incêndios de 2018 e 2017 causaram estragos. Ao todo estão previstas 6 ações de plantação, ao longo de 6 semanas. Os estudantes vão igualmente plantar algumas árvores no Campus da Academia de Aveiro no dia 21 de março, Dia da Árvore.

A Casa Martelo orgulha-se de ajudar projetos que visem a educação ambiental, nomeadamente no que toca à importância da floresta autóctone, e a médio e longo prazo melhorem o bem-estar do ecossistema e, por conseguinte, da comunidade. Junte-se a nós nesta causa!

08 Nov 2018

Dicas Úteis – Como limpar o recuperador de calor

Os donos de recuperadores de calor deveriam saber que a manutenção e limpeza destes equipamentos é de extrema importância. A limpeza e manutenção do recuperador de calor é essencial para garantir o seu funcionamento dentro de todos os critérios de segurança, por outro lado, o hábito de limpar devidamente o equipamento aumenta o tempo de vida útil do mesmo.

Todas as operações de manutenção destes aparelhos devem ser feitas com o mesmo fora de serviço e completamente frio.

O primeiro passo da limpeza do seu recuperador de calor começa pela tarefa de retirar as cinzas: com uma pequena vassoura varrer as cinzas para uma pá e despejá-las num balde. Ao fim de algum tempo de uso é normal que se depositem cinzas na parte superior do deflector (o defletor controla a saída do fumo que se encontra na parte de cima do recuperador de calor), também é importante passar aí a vassoura.

A parte mais complicada e que demora mais tempo, dependendo da quantidade de cinzas a limpar, já passou. Em seguida o que falta fazer é limpar o vidro do recuperador de calor, para tal recorre-se a um limpa vidros específico.

Estes tipos de produtos químicos devem ser utilizados com alguns cuidados e deverá calçar umas luvas, pois são altamente corrosivos. Também deve ter em atenção que aplicados em excesso, podem escorrer pelo vidro e danificar a porta e os materiais de vedação da mesma. Como tal, deve-se proteger a vedação da porta com jornal velho. Em seguida aplica-se o spray limpa vidros, diretamente sobre a superfície a limpar. Deixa-se atuar durante alguns minutos e depois limpa-se bem a superfície com um jornal velho/pano, ou até uma meia velha. Outra opção de limpeza possível é passar o liquido primeiro no pano e depois limpar o vidro, para não estragar a vedação da porta. Limpa-se nos dois lados e o vidro fica limpo.

Siga estes passos e terá o seu recuperador de calor como novo!

Numa próxima rubrica vamos falar da limpeza química e mecânica das chaminés, fique atento.

Note bem: caso seja a primeira vez que usa um spray deste tipo deve seguir a instruções de segurança do mesmo, que poderá encontrar no rótulo.

Nestes tempos de frio quem sofre é o recuperador de calor!

Cuide de quem o aquece!

03 Out 2018

Ajude-nos a ajudar no nosso aniversário!

É vital para as pessoas que formam a Casa Martelo contribuir para uma comunidade mais feliz. Este ano, por ocasião do nosso 68º aniversário queremos declinar a inclusão e por isso queremos que conheça melhor esta Associação que tem como lema habilitar e vamos todos juntos ajudar a Associação de Pais e Amigos Habilitar (APAH).

A Casa Martelo tem o compromisso de servir Aveiro, sendo fiéis aos nossos princípios de proporcionar um atendimento personalizado e especializado àqueles que nos visitam, e de modo que estamos de parabéns, pois assinalamos 68 anos de existência, queremos apresentar uma iniciativa que ajuda a comunidade em nosso redor, como tal, para assinalarmos esta data tão importante, nós e todos os nossos clientes vamos estar a ajudar a

A APAH é uma organização não governamental, que surgiu em abril de 2017, que tem como missão dar ferramentas a crianças e jovens com perturbações de neurodesenvolvimento (PND) e todos os que se cruzam no seu percurso (pais, professores e empregadores), ajudando a que cada cidadão portador de deficiência possa concretizar o seu projecto de vida, com o máximo de autonomia e realização pessoal.

O grande objetivo da APAH é iniciar um movimento local gerador de ferramentas, através da troca de experiências entre famílias, promovendo assim momentos de encontro e partilha. Ou seja, transformar a região de Aveiro numa “realidade inclusiva”, em que o portador do PND, sua família e cuidadores disponham de oportunidades para exercer a sua cidadania, coligando todos os intervenientes, e assim reduzir efetiva e positivamente toda a desvantagem associada a qualquer patologia de Neurodesenvolvimento.

Nesta data aniversária, em harmonização com a visão da APAH para a comunidade aveirense a casa martelo irá doar 10 cêntimos de cada compra efetuada a esta associação.

Junte-se a nós num futuro melhor para Aveiro!

Saiba mais sobre a APAH aqui.

27 Out 2017

67 Anos de História

Este ano a histórica Casa Martelo cumpre 67 anos. É para nós um misto de orgulho e responsabilidade estar à frente deste negócio familiar que está na 3ª geração.

Vamos continuar a servir Aveiro sendo fiéis aos nossos princípios de proporcionar um atendimento personalizado e especializado àqueles que nos visitam. Aos nossos balcões não se encontra apenas tradição, mas também a solução para o que se precisa, quer seja um conselho sobre qual o melhor produto a aplicar, quer seja uma opinião sobre como efectuar uma reparação… nunca se sai de cá sem resposta. A nossa equipa é experiente, competente e dedicada ao cliente, o que hoje em dia não se encontra com facilidade.

Apesar das nossas décadas de existência não descuramos as novidades e acompanhamos as tendências actuais nas áreas de bricolage, reparações, electricidade, ferragens e ferramentas. Temos milhares de referências para dar resposta às necessidades dos nossos clientes, embora não possamos ter tudo exposto devido ao formato tradicional do nosso espaço. Mas também é isso que nos torna únicos: atender os clientes sobre um balcão de madeira que em breve terá sete décadas e colocar ao dispor de quem nos visita a experiência dos nossos colaboradores.

Estamos no coração do Centro Histórico de Aveiro, na Rua Direita, mesmo ao lado do Parque de Estacionamento da Praça Marquês de Pombal, com mais de quatrocentos lugares. E oferecemos o estacionamento, basta efectuar compras a partir de 10€.

Nesta data aniversária, prova do dinamismo que colocamos ao dispor de Aveiro, iremos lançar o novo serviço de entregas na zona central da cidade. Assim pode receber comodamente os artigos que encomenda por telefone ou e-mail. Ou ainda recorrer ao nosso serviço técnico de montagem e reparação. Durante este mês iremos oferecer vouchers de entrega gratuita aos nossos clientes, entre muitos outros brindes e surpresas.

Em termos de B2B a tónica do nosso serviço é a flexibilidade e grande gama de produtos que colocamos à disposição dos nossos clientes e parceiros. E o que não tivermos em stock procuramos. Somos a #soluçãoaquiàmão.

Também este mês mudámos o nosso logo, fruto da incrível colaboração com o Hugo Marques, da Think Bold Studio, fizemos reflectir na nossa imagem os anos da nossa experiência e tradição, na nossa opinião ficou um belíssimo símbolo, inspirado na nossa balança que tem quase tantos anos como a casa.

Estamos gratos a todos os que nos apoiaram e continuam connosco nesta caminhada. Com a Casa Martelo podem sempre contar!

Somos uma casa com história, estamos voltados à tradição, mas com os olhos no futuro.